Suspeitos se passaram por acompanhantes para entrar em hospital de Patos e matar paciente

203

Os suspeitos de matarem um paciente a tiros na madrugada desta terça-feira (11), no Hospital Regional de Patos, Sertão paraibano, se passaram por acompanhantes para ter acesso ao interior da unidade de saúde e assassinar um jovem de 24 anos.

Carlos Henrique, de 24 anos, estava internado no setor de ortopedia do hospital, onde se recuperava de uma tentativa de homicídio sofrida no dia 31 de dezembro.

Segundo o delegado que está à frente do caso, Iury Givago, informou ao Notícia Paraíba, os suspeitos fingiram ser acompanhantes de um paciente e dessa forma, conseguiram entrar o hospital.

Imagens do circuito de monitoramento do local mostram os dois homens andando nos corredores em busca da enfermaria onde o jovem estava internado. Minutos depois, é possível ver quando a dupla sai correndo e fugindo, logo após cometer o crime.

A vítima foi atingida com vários tiros, não resistiu aos ferimentos e morreu no local. Pacientes e acompanhantes que estavam na mesma enfermaria que o jovem presenciaram toda a ação criminosa.

As imagens já estão com a Polícia Civil que agora busca identificar os autores do homicídio.

Carlos Henrique era ex-presidiário. Ele cumpriu pena por cerca de cinco anos no presídio da cidade e havia saído da unidade prisional há dois meses.

O caso segue sendo investigado.

Fonte: Notícia Paraíba