Dr. Ramonilson apresenta propostas para a geração de empregos no Sertão. Taxa de desocupação da Paraíba é maior do que a média nacional

153

Em entrevista à imprensa na manhã desta quarta-feira, 06 de abril, Dr. Ramonilson Alves externou preocupação com o elevado índice de desemprego na Paraíba, que segundo dados da Amostra de Domicílios Contínua (PNAD C) Trimestral chega a 14,8%, acima da média nacional (11,1%).

Segundo o ex-juiz, é preponderante a atração de empresas para o Sertão, com o intuito de oportunizar aos jovens o acesso ao primeiro emprego e ao mesmo tempo, combater à informalidade, que alcança 40% dos trabalhadores.

“Infelizmente, a nossa região que soma mais de 900 mil pessoas, não tem sido contemplada com grandes investimentos ou por uma política efetiva por parte do Governo do Estado, que suscite a vinda de indústrias por intermédio de incentivos fiscais. Temos a Grande Patos com seu grande potencial calçadista e setor de serviços pujante, a agricultura familiar no Vale do Piancó e Sabugi, o turismo sustentável na Serra do Teixeira e na Região das Espinharas. Um Call Center tem a capacidade de gerar mais de 3 mil empregos e a construção de polos culturais pode ressignificar toda a dinâmica econômica de uma cidade. É preciso reivindicar maior atenção com nossa terra, já tenho conversado com lideranças civis, empresariais e políticas em torno dessa causa justa”, concluiu.

Assessoria