Criança atingida por disparo em Mãe D’água não resiste e morre no hospital; violência deixou deixa mortos

463

Equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foram acionadas diante de duas vítimas em estado grave de saúde após um tiroteio na noite deste domingo, dia 10, por volta das 20h30, na localidade conhecida por Bar do Futuro, em Mãe D’água, região metropolitana de Patos.

De acordo com informações, uma garotinha de nome Jennifer, de10 anos, foi atingida com um tiro na cabeça e levada para o hospital em estado gravíssimo. O homem, identificado por Raimundo Delan, de 42 anos, também foi alvejado e ficou caído nas imediações, mas perdeu a vida minutos depois antes mesmo de ser socorrido.

Os tiros foram disparados por um homem que estava em desavença com a vítima. Raimundo Delan ainda tentou fugir, mas caiu diante da gravidade dos ferimentos a bala. Moradores de Mãe D’água relataram que o homicida e a vítima haviam entrado em luta corporal há alguns dias. Raimundo Delan sofreu um corte profundo na cabeça provocado por um facão que estava em poder do suspeito do crime deste domingo.

A criança, de acordo com relatos, foi vítima de bala perdida, pois estava apenas nas imediações onde aconteceu os disparos. Ela foi levada por uma ambulância do SAMU para o Hospital Regional de Patos, mas não resistiu e faleceu no começo da madrugada desta segunda-feira, 11.

Esse fato chocante chocou e enlutou a pequena cidade de Mãe D’água.

Fonte: Folha Patoense com Polêmica Patos