Mais de 279 mil paraibanos estão com títulos cancelados; técnico cobra fiscalização

84

A Paraíba tem mais de 279 mil títulos de eleitor cancelados por não terem realizado recadastramento ou não terem justificado a ausência em três pleitos consecutivos. Lembrando que cada turno eleitoral é considerado um pleito. De acordo com informações do secretário de tecnologia do Tribunal Regional Eleitoral, José Casimiro Júnior, que esses eleitores têm até o dia 4 de maio para fazer essa regularização, ou seja, 150 dias antes das eleições.

“São 279.724 eleitores paraibanos que quando a gente tirou os dados na sexta-feira estavam cancelados e se a eleição fosse hoje eles não voltariam. Desse quantitativo, quase 274 mil, a grande maioria, foi cancelado por não comparecer a revisão do eleitorado. Outra grande parcela são eleitores que não votaram e não justificaram durante três pleitos consecutivos. O eleitor pode pegar seu celular, tablet, computador, entrar no site do TRE e fazer uma atualização cadastral, de casa você resolve. O prazo é improrrogável: dia 4 de maio. Então os eleitores que estão nessa situação bem como aqueles que querem se inscrever ou fazer qualquer alteração tem esse prazo até 4 de maio” esclareceu.

“A gente sente falta de fiscalização dos partidos, só uns poucos fazem isso. Acho que os partidos devem fazer, porque o trabalho é auditável. As eleições são seguras e transparentes”, disse José Casimiro Júnior.

PBAgora