Vereadora Lidianny denuncia que três crianças, entre elas, um autista não estão sendo beneficiados com o transporte escolar

228

A Câmara Municipal de Santa Terezinha – PB realizou uma sessão ordinária nessa sexta-feira (20). A reunião foi transmitida pela Rádio Conexão (104,9 FM).

A vereadora Lidianny Medeiros (PSDB) cobrou pela terceira vez o carro fumacê nas ruas da cidade. Disse que foi procurada por uma paciente que há três meses vai a Farmácia Básica e não encontra todos os medicamentos, dos cinco remédios, apenas um tipo foi distribuído, ela disse que está com cópias das receitas médicas. Comunicou grandes falhas na Saúde do Município. Relatou que o seu filho tem crise de asma, foi ao posto médico e chegando lá uma fila enorme no local, inclusive com várias urgências, mas o médico avisou que não iria atender a todos porque iria participar de uma reunião com a Secretária de Saúde. A parlamentar repudiou a ação e falou que uma reunião pode esperar ou ocorrer em um horário diferente do atendimento médico, urgências não podem esperar. Ela disse que falou com a enfermeira, ligou para pessoas da gestão municipal e o médico ampliou o plantão. Ela falou se não estivesse no local, às pessoas não teriam sido atendidas naquele dia. Relatou sobre a doação de medicamentos, as pessoas só recebem se falar com o prefeito.

Denunciou que o transporte escolar não está indo buscar na zona rural três crianças, entre elas, um autista. A vereadora disse que a mãe procurou a secretária de Educação e comunicou que este assunto deve ser tratado na Diretoria de Transportes. A vereadora disse que recebeu vários vídeos da mãe com as crianças caminhando pela rodovia, chegando atrasados na escola. A vereadora entrou em contato com a Diretoria de Transportes e foi informado que o problema será solucionado.

Josley Oliveira – PortalSantaTeresinha.com