Parque Zoobotânico Arruda Câmara em João Pessoa recebe cerca de 3 mil visitantes por semana

61

Um das opções de lazer mais procuradas pela família pessoense e também pelos turistas que visitam a Capital da Paraíba, o Parque Zoobotânico Arruda Câmara, localizado no bairro do Roger, recebe aproximadamente 3 mil visitantes por semana – média de 12 mil ao mês. Todo esse público está em busca de diversão e contato com a fauna e flora, em um ambiente que reserva muitas curiosidades apresentadas por centenas de espécies de animais e plantas.

O Parque, conhecido popularmente como Bica, proporciona um agradável passeio por suas trilhas, que possui resquícios da Mata Atlântica, e também locais para piqueniques. O espaço de lazer conta ainda com praça de alimentação com lanchonetes e lago com pedalinhos, o que faz os visitantes virem sempre acompanhados de toda a família.

O local acolhe cerca de 400 animais, silvestres e exóticos, oriundos de tráfico ou situação de cativeiro e que agora estão sob os cuidados da equipe do zoológico. As espécies são as mais variadas. “Temos diversas atrações, mas, sem dúvidas, os visitantes ficam encantados com os grandes felinos. Contamos com leoa, onça pintada, jaguatirica. O ambiente onde esses animais ficam está sempre cheio”, contou o diretor do Parque, Rodrigo Fagundes.

A arquiteta Silvia Quintans de Mendonça é uma frequentadora do Parque Arruda Câmara. Sempre que tem um tempo livre, traz os três filhos, de 14, 9 e 1 ano, e alguns amigos deles para contemplar a natureza e brincar ao ar livre. “É um local ao ar livre, onde eles se divertem, têm contato com a natureza e conhecem diversos animais. Essa é a primeira vez que a minha filha mais nova vem ao parque e já percebi que ela adorou os bichos. Aqui tem essa possibilidade, de ver animais que às vezes só vimos na televisão”, afirmou.

Serviço

O Parque Zoobotânico Arruda Câmara funciona de terça-feira a domingo, das 8h às 17h, com venda do bilhete de entrada (R$ 2) até 16h. Crianças com até 7 anos e idosos acima de 65 anos são isentos do pagamento da taxa.

PB Agora