Tião Gomes critica ‘ambição’ do Republicanos pela presidência da ALPB e diz que seu nome estará na disputa: “Só quero um biênio”

70

O deputado estadual reeleito Tião Gomes (PSB), se posicionou nesta sexta-feira (4) contra a nota do partido Republicanos, divulgada nesta semana, onde a legenda ratifica a candidatura de parlamentares para a presidência da mesa diretora da Assembleia Legislativa da Paraíba nos próximos dois biênios. Segundo Tião, ele é contra a “ambição” da sigla e seguirá com seu nome posto para ao menos um mandato como presidente.

Em entrevista a rádio Arapuan FM, ele reiterou que estará na disputa pelo comando do legislativo estadual. “Eu acho que está na hora de ter reconhecimento, não sou melhor que ninguém, mas conheço bem a Casa, tenho trânsito livre na Assembleia e acho que o momento é muito oportuno para ser o presidente da Assembleia. Meu nome está à disposição e estou conversando com colegas e escutamos que já está no momento de dar esse passo por experiência e merecimento. Eu quero e vou lutar para ser presidente da Assembleia”, pontuou.

Tião descartou a possibilidade de concordar com a estratégia e fechar um consenso em torno de um nome do Republicanos para ALPB nos próximos biênios, criticou a nota divulgada pelo partido nesta semana, e disse que já está na hora de ocupar o cargo na presidência da casa.

“Sou o deputado com mais mandatos na Assembleia. Estou na ALPB há 32 anos e vou para o nono mandato como deputado e tive mais seis como prefeito. Eu já estou maduro o suficiente para galgar um cargo importante na Mesa da Assembleia, onde sou o atual vice-presidente. (…) Eu acho que o Republicanos está com uma ambição muito grande. Eu só quero um biênio, não precisa ser o Republicanos os dois”, emendou.

No mês de julho, antes mesmo das eleições, Tião Gomes já havia declarado que não abriria mão de ser candidato à presidência da Casa caso fosse reeleito. Além dele, Adriano Galdino (Republicanos), Eduardo Carneiro (Solidariedade), Branco Mendes (Republicanos), George Morais, Michel Henrique e Felipe Leitão (PSD) também já revelaram interesse no cargo.

Wscom