Ministério de Lula pode ser o segundo maior da América Latina, atrás somente da Venezuela

100

A futura equipe de ministros do presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva (PT) deverá ser a segunda maior da América Latina. Isso se ele confirmar a intenção de montar um governo com mais de 30 ministérios.

Atualmente são 23 ministérios no governo do presidente Jair Bolsonaro.

A Venezuela lidera o ranking com suas 33 pastas, o Executivo mais robusto da América Latina. Países como Argentina, Colômbia, Equador, México e Uruguai têm menos de 20 ministérios cada. Em parte deles, afirmam especialistas, a tendência é avançar num enxugamento da estrutura.

Ao longo da campanha, Lula revelou a intenção de aumentar em até 40% o número de ministérios. Seriam ao menos mais nove, que possibilitariam acomodar aliados. Existe a expectativa da volta de pastas como as do Planejamento, Fazenda e Pequenas Empresas, fundidas pela Economia; Igualdade Racial, Direitos Humanos e Mulher, que foram unificadas; Previdência Social, Segurança Pública e Povos Originários, hoje subordinadas à Justiça; além de Pesca, anexada à Agricultura, e Cultura, que integra o Turismo.

Paraiba.com.br com informações de O Globo